Inscreva-se para receber, toda semana, o Boletim da Minhoca com informações importantes sobre minhocas e minhocultura.

Minhobox | Boletim da Minhoca
x
PORTAL DA MINHOCA
  • Idioma Português
  • Idioma Espanhol
  • Idioma Inglês
Boletim da Minhoca
O Minhodic é uma seção do Portal da Minhoca que reúne os significados dos verbetes mais comuns ligados às minhocas e à minhocultura, publicados bimestralmente na seção "Dicionário" do Jornal da Minhoca.
Notice (8): Undefined variable: usemob [APP/View/Minhodic/index.ctp, line 19]

Letra H

  • Letra H
  • Verbetes iniciados em "H" relacionados com a terminologia particular da minhoca e da minhocultura.

HÁBITA - é o ambiente de habitação de um individuo ou grupo de organismos. O local que habitualmente as minhocas vivem, apesar de xistirem espécies aquáticas, é comumente terrestre, especialmente na superfície do solo ou até em grandes profundidades, podendo ser encontradas em todos os tipos de solos, com as mais variadas coberturas vegetais e em altitudes de 0 até 4500 metros.

HAPLATOXIDA - é a família que agrupa espécies de minhocas curtas e terrestres, que possuem um, dois ou quatro pares por segmento de cerdas sigmóides, apresentam o clitelo na região dos poros genitais, espermatecas simples, sem divertículos e o aparelho excretor do tipo holonefridal . A pequena espécie Tiguassu regiane, que mede trinta e três milímetros e vive no Amazonas, é uma representante desta família.

HEMOGLOBINA - é a substancia colorida dos glóbulos vermelhos do plasma sanguíneo das minhocas, que confere ao seu sangue a cor bem avermelhada. Assim que o sangue passa por capilares próximos da cutícula, a hemoglobina, uma proteína que contém ferro, se combina com o oxigênio atmosférico para depois ser transportado para os tecidos.

HERMAFRODITA - sexo das minhocas que se caracteriza pela presença de órgãos genitais masculino e feminino num mesmo indivíduo, por isto chamadas de monóicas, que promove a fecundação em ambas, como na grande maioria das espécies, somente com o concurso obrigatório de uma outra parceira.

HIBRIDAÇÃO - é o cruzamento de espécies, raças ou variedades distintas. Contestada por estudiosos, a hibridação em minhocas é desconhecida provavelmente pela dificuldade da justaposição durante a cópula dos pontos de reprodução, que têm localização diferenciada ao longo do inicio do corpo nas espécies. Na década de 30, Sheffield Oliver, americano estudioso de minhocas, apesar de não provar, anunciou a primeira minhoca híbrida do mundo, resultado do cruzamento de vermelha da califórnia (Eisenia fetida) e Allolobophora caliginosa.

HIDROTROPISMO - é a reação de aproximação ou afastamento de certos organismos em relação à água. A minhoca, por exemplo, apresenta o hidrotropismo positivo e, portanto, prefere e recorre a ambientes mais úmidos nos quais lhe permitem suprir a maioria de suas exigências fisiológicas, como a necessidade de lmanter seu corpo hidratado para o êxito da atividade respiratória, por exemplo.

HIPOENDOGÉICA - categoria em que se agrupam, por preferência de ambiente, certas espécies de minhocas habitantes do solo mineral com profundidade abaixo dos 10cm superficiais, que se alimenta de matéria orgânica integrada ou não ao solo, raízes em decomposição e microorganismos. A espécie mais encontrada no solo brasileiro, a rosa mansa (Pontoscolex corethururus), em certas situações, pode ser uma representante desta categoria de escavadoras de profundidade.

HIRUDÍNEOS - são vermes segmentados de hábitos predadores ou parasitas, que vivem em solos úmidos ou na água e apresentam ventosas na região terminal para fixação e locomoção. Anelídeos como as minhocas e, muitas vezes, seus inimigos naturais, os sanguessugas — os principais representantes da classe — delas se diferem por desproverem de cerdas e possuírem órgãos copuladores e aberturas genitais na linha mediano-ventral do corpo.

HOLONEFRÍDEOS – nome que se dá aos nefrídios – túbulos excretores da minhoca, formados por um funil ciliado, o nefróstomo, e alças vascularizadas, onde, à semelhança do rim humano, por filtração, reabsorção e secreção, forma-se a urina que será eliminada por poros situados próximos das cerdas, os nefridióporos – de espécies de minhocas que possuem dois para cada segmento do corpo.

HUMIFICAÇÃO - é o processo de decomposição da matéria orgânica por ação de contínuas e repetitivas digestões da micro fauna existente num determinado solo, especialmente minhocas por constituírem biomassa maior, que a converte em húmus. Em minhocultura, o substrato ingerido pelas minhocas é degradado provocando a solubilidade dos minerais, e convertendo-o em adubo rico em compostos químicos absorvíveis pelas plantas.

HÚMUS - é o produto da decomposição de restos orgânicos de origem animal ou vegetal por ação de pequenos organismos: o acúmulo de folhas e fezes animais depositadas por sobre Pontoscolex corethrurus solo de uma floresta e que sofreram ataque microbiano é um bom exemplo de transformação em húmus. Em minhocultura, favorecem-se as condições de vida de um desses organismos, a minhoca, para a obtenção de seus excrementos: o húmus de minhoca.

Afrânio Augusto Guimarães – zootecnista / MINHOBOX

  • Imprima esta página.
    Imprima esta página.
  • Envie esta página para alguém.
    Envie esta página para alguém.
  • Envie uma mensagem para a Minhobox.
    Envie uma mensagem para a Minhobox.
  • Deixe seu comentário sobre esta página.
    Deixe seu comentário sobre esta página.
  • Compartilhe esta página no Facebook.
  • Recomende esta página pelo Twitter.
  • Recomende esta página pelo Google+.
Deixe seu comentário sobre esta página.
Enviar
Envie esta página para alguém.
Envie uma mensagem para a Minhobox.
Notice (8): Undefined variable: usemob [APP/View/Minhodic/index.ctp, line 283]
Notice (8): Undefined variable: usemob [APP/View/Elements/LojaInterno2.ctp, line 31]

 

 

 

 

Notice (8): Undefined variable: usemob [APP/View/Elements/LojaInterno2.ctp, line 113]